Logo Banco de Alimentos

Blog

CONHEÇA A RESERVA, NOSSA MAIOR INVESTIDORA SOCIAL

Projeto criado pela marca consiste em viabilizar refeições a populações carentes

VESTINDO A CAMISA CONTRA A FOME
O Brasil, em 2015, foi considerado o segundo maior fornecedor de alimentos do mundo, segundo a Organização das Nações Unidas (ONU). Ainda assim, 52 milhões de pessoas se encontram em algum estágio de insegurança alimentar no País, de acordo com a Pesquisa Suplementar de Segurança Alimentar (PNAD).

Neste cenário, a marca de roupas Reserva decidiu criar o projeto 1P5P em parceria com a Associação Civil Banco de Alimentos e o Mesa Brasil/SESC. A iniciativa consiste em viabilizar a complementação de cinco pratos de comida a cada peça vendida na Reserva, Reserva Mini e Reserva Go. Desde 2016, o projeto, que não envolve nenhum tipo de incentivo fiscal para a marca, já viabilizou mais de 37 milhões de refeições em todo Brasil.

A cada venda, a Reserva faz o repasse financeiro à ONG Banco de Alimentos e para o Projeto Mesa Brasil, que coletam excedentes de alimentos em indústrias, mercados e hortifrutis e distribuem em instituições de apoio a populações carentes. São essas instituições as responsáveis por prepararem as refeições e realizarem as entregas.

A FOME VEM PRIMEIRO
A proposta surgiu em uma das viagens de Rony Meisler, CEO da Reserva, ao Ceará. Já engajado em começar um projeto social com a marca, a ideia inicial foi pensada na educação. Porém, ao conversar com um jovem local sobre sua vivência diária, Rony decidiu mudar seus planos. Questionado pelo jovem se ele conseguia estudar ou trabalhar com fome, Rony percebeu que a fome vinha antes de qualquer coisa.

UM OLHAR PARA TODOS NO PROCESSO

Em 2020, a Reserva tem objetivo de entrar em uma nova fase do projeto, que é prioridade para a empresa. “Queremos, cada vez mais, trazer um olhar mais sensível e humano para o processo de viabilização das refeições. A ideia é revelar os rostos por trás do operacional do projeto, que envolve uma grande rede de doadores de alimentos, nutricionistas, assistentes sociais, cozinheiras, motoristas e pessoas beneficiadas. Trabalharemos também com parcerias como plataforma para outras iniciativas, projetos e marcas, que nos ajudarão na disseminação e aprofundamento da mensagem de combate à fome e insegurança alimentar no nosso país”, diz Jayme Nigri, COO da marca.

DA ACADEMIA PARA O BRASIL
A história da Reserva começa em 2004 numa cena cotidiana do Rio de Janeiro. Os amigos de infância Rony Meisler, engenheiro de produção, e Fernando Sigal, publicitário, estavam na academia de ginástica quando perceberam que na mesma sala cinco homens vestiam exatamente o mesmo modelo de bermuda. Mesmo não tendo nenhuma relação ou interesse específico em moda, o tino empreendedor levou ambos a testarem a demanda do mercado de moda masculina. Desenvolveram um modelo de bermuda com o slogan “Be yourself but not always the same” e algumas t-shirts e venderam todas as peças entre amigos.

No início sem muitas pretensões, mas empolgados com a adesão, fizeram uma coleção com mais itens e resolveram promover uma festa de lançamento da marca que ainda não tinha nome. Estoque liquidado na mesma noite, os jovens sócios decidiram seguir com o projeto paralelo aos seus empregos. Logo o nome Reserva surgiria, uma homenagem à praia preferida da turma. No ano seguinte, deixaram seus empregos e instalaram-se num pequeno ateliê na Gávea onde iniciaram a estratégia comercial da marca com distribuição no atacado.

MODA BRASILEIRA, SEGUIDA POR MILHÕES DE PESSOAS

A partir de 2012, Rony Meisler, que até então era diretor criativo e comercial, assumiu a presidência do Grupo Reserva e impulsionou o crescimento da marca em vários aspectos – inclusive no ambiente digital, levando a Reserva a ser a primeira marca de moda brasileira a alcançar quase dois milhões de seguidores no Facebook e lançando seu portal de ecommerce.

Começou 2015 como a única empresa brasileira no ranking das mais inovadoras do mundo, segundo a conceituada revista norte-americana Fast Company. O ano seguinte foi tão emblemático quanto. Em 2016, dez anos após a abertura da primeira loja, Rony Meisler teve a ideia de criar um dos maiores projetos sociais visto no mercado de moda brasileiro: o 1P5P, que você conheceu no início deste artigo.

VÔOS MAIS ALTOS
Atualmente, são 70 lojas próprias e 21 franquias nas principais capitais do Brasil, além de uma rede com mais de 1,5 mil multimarcas pelo país. Através de uma live via Instagram, a Reserva e o Sistema B anunciaram em março de 2020, oficialmente, a entrada da marca para o movimento. Você pode saber mais sobre esta novidade no 2min, blog da empresa. Novos capítulos são costurados diariamente pelas mãos de quase duas mil pessoas, que têm em comum a vontade de voar cada vez mais alto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Doe